terça-feira, 17 de maio de 2011

Como Surgiu e a Função do Designer de Interiores


O termo “design” surgiu nos anos 20 nos Estados Unidos, aplicado à industria automobilística e às características funcionais do automóvel. Considerada “moderna” ou de “design” era principalmente a produção da fábrica mais avançada do pequeno mundo industrial da época: a Ford. Mas é com guerra entre a Ford e a General Motors que o termo assume a complexidade de significados, própria da acepção contemporânea. O termo design é associado à idéia de pesquisa, à capacidade de inovações
e, não menos importante, à elaboração de um “estilo”. 

          Função do Designer
A função do Designer de Interiores é interpretar, projetar, intervir e conceituar os diversos espaços que o homem ocupa.
Pesquisar e estudar a complexidade das atividades do ser humano considerando os aspectos: Ergonômicos, Tecnológicos, Étnicos e os relativos ao meio ambiente e à saúde.
Compreender o conforto ambiental e a composição espacial dos interiores, a partir das relações que se estabelecem entre o Homem e suas atividades.
Elaborar projetos que atendam à organização, funcionalidade e harmonia dos espaços.
Respeitar as necessidades específicas, individuais e coletivas do homem em suas várias idades e condições físicas.
Gerenciar e executar projetos, elaborando planejamentos, organogramas, memoriais descritivos e cronogramas.

Para exercer a profissão, os Designers de Interiores precisam ser criativos, imaginativos e artísticos, mas, igualmente, disciplinados, organizados e empreendedores. Devem combinar uma visão estética com habilidades práticas e conhecimentos técnicos. Sobretudo, exige-se desse profissional a sensibilidade para trabalhar bem com o Cliente na busca de soluções que sejam adequadas a cada projeto.

Designers de Interiores atuam em projetos nas áreas residencial e comercial